Barreiras sanitárias: em dezesseis dias, mais de 7,5 mil veículos foram abordados em São Simão e Itaguaçu

Na última sexta-feira (26), as barreiras sanitárias instaladas nos trevos de acesso à cidade e nas entradas do Distrito de Itaguaçu foram removidas pela prefeitura. A ação que auxiliou no controle de entrada e saída de populares ao município, foi realizada devido a pandemia do novo coronavírus.

Cento e dez funcionários públicos e alguns voluntários, divididos em três turnos, trabalharam durante 16 dias nas barreiras promovendo abordagens, medição de temperatura corporal, triagem dos sintomas, preenchimento de questionário epidemiológico e orientações a motoristas e passageiros.

Para a Secretária de Saúde, Liciane Regina de Oliveira Nora, as barreiras sanitárias em São Simão e Itaguaçu tiveram um resultado muito positivo. Ele afirma que, durante a ação foram realizadas 11 notificações e a abordagem de 7.640 veículos.

“Essa ação teve muito sucesso, pois deu ampla divulgação da importância e necessidade do uso de máscara de proteção, pois milhares de veículos adentram em na cidade e em Itaguaçu diariamente e, como os demais acessos estavam interditados, os veículos passaram pelo controle de acesso obrigatoriamente. Após 16 dias de operação, fizemos avaliação e verificamos que a maioria dos ocupantes dos veículos que entram no município já está utilizando as máscaras de proteção, o que demonstrou que a divulgação e o controle de acesso surtiram o efeito. As barreiras sanitárias cumpriram, portanto, seu papel”, confirmou.

A Secretária destaca que, para o sucesso da operação, a Prefeitura contou com o empenho dos profissionais da secretara de Saúde, enfermeiros, técnicos em enfermagem, Agentes de Endemias, com o apoio do da Polícia Militar, fiscais da Superintendência Municipal de Segurança Pública e Trânsito, e funcionários das secretarias de Administração, Saúde, Educação, Turismo e Meio Ambiente, e Superintendências de Esportes e Cultura.