Prefeitura de São Simão amplia testagem e monitoramento da Covid-19

A Prefeitura de São Simão dá mais um passo de extrema importância para o enfrentamento da Covid-19, integrando planejamento estratégico, ciência e tecnologia. Em uma união de esforços com o Governo de Goiás, o município aderiu ao programa que está ampliando a capacidade de monitoramento e de testagem em massa da população por meio do exame RT-PCR. A iniciativa, que utiliza o aplicativo “Dados do Bem” para identificar e rastrear pessoas infectadas pelo coronavírus e, desta forma, adotar ações estratégias mais direcionadas durante a pandemia, começa no próximo dia 12, quarta-feira.

O programa é efetivado por meio de parceria do Governo de Goiás com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz-RJ), que doou os kits e vai realizar a análise dos testes, e o Instituto D’or de Pesquisa e Ensino, que cedeu o aplicativo desenvolvido pela empresa Zoox Smart Data. O ponto de partida é baixar o aplicativo “Dados do Bem”, já disponível gratuitamente na lojas virtuais para Android e iOS.

No aplicativo, o usuário preenche um cadastro e responde a um simples questionário de autoavaliação, com perguntas sobre sintomas associados a Covid-19 e histórico de saúde. A partir dos dados fornecidos, a plataforma indica a possibilidade de ele estar infectado pelo novo coronavírus. Não se trata de um diagnóstico, mas de uma avaliação de sinais clínicos e epidemiológicos.

Quem tiver indicação para fazer o exame RT-PCR deverá selecionar uma uma das opções de locais apresentadas na própria plataforma. Em seguida, a pessoa receberá no celular um voucher com um QR Code, que será escaneado na unidade de saúde indicada. O agendamento do teste se dará exclusivamente pela ferramenta. É importante ressaltar que qualquer tipo de comunicação é feito pelo próprio aplicativo. O “Dados do Bem” não envia mensagens por WhatsApp.

Em São Simão – GO, o teste estará sendo aplicado no Centro de Referência de Síndromes Gripais (ao lado do Centro de Fisioterapia). O atendimento será realizado das 13h às 16h de segunda a quinta.

Caso o resultado dê positivo, o infectado indicará até cinco pessoas com quem ele tem mais contato. Cada um desses indicados receberá uma mensagem no celular, com o voucher, e será convidado a também fazer o teste. Dessa forma, o aplicativo consegue mapear a população afetada pelo novo coronavírus.

Todos que preenchem o questionário de autoavaliação estão colaborando com a iniciativa, mesmo aqueles que não são convocados para fazer testes. O “Dados do Bem” tem como objetivo utilizar a inteligência de dados para realizar o mapeamento epidemiológico, montar mapas de risco e locais com maiores índices de contaminação. A ferramenta não visa ao diagnóstico individual, mas ao entendimento coletivo da propagação da Covid-19.