Campanha Nacional de Multivacinação para atualização de caderneta de vacinação imunizou mais de 400 crianças

Com o encerramento da Campanha Nacional de Multivacinação no sábado (16/09), a secretaria municipal de Saúde divulgou ontem, 27, o balanço completo da vacinação, que teve como público-alvo crianças e adolescentes. Apesar do encerramento da campanha, as vacinas continuaram sendo ofertadas na sala de vacinação da secretaria da Saúde até o dia 22 de setembro. De um total de 1.317 crianças que compareceram aos postos da campanha, 432 receberam a imunização e completaram o seu cartão de vacinação.

Conforme balanço, 403 adolescentes com idades entre 10 a 14 anos compareceram às unidades de vacinação. Deste total, 234 jovens receberam vacinas. O público imunizado foi de 58,06%, diante do total que procurou os postos de vacinação.

Ainda compareceram 914 crianças com idades de 0 a 9 anos acompanhadas dos pais. Deste total, 198 precisaram de atualização da carteira de vacinação. Em relação ao total que procurou as unidades, o público que precisou de atualização vacinal foi de 21,66%.

De acordo com a enfermeira, Michelle Santos Côrtes de Melo, a imunização masculina contra o HPV foi uma novidade da campanha de Multivacinação 2017. A vacina previne uma das doenças que mais causa câncer de cólon de útero no mundo.

Confira a faixa etária de cada vacina oferecida na Campanha Nacional de Multivacinação:

– BCG (formas graves de tuberculose) – menores de 5 anos.

– Hepatite A – menores de 5 anos.

– Penta (hepatite B, difteria, tétano, coqueluche e haemophilus influenzae B) – menores de 7 anos.

– Hepatite B – crianças com até 30 dias de idade e crianças e adolescentes entre 7 e 15 anos.

– VIP (Vacina Inativada contra a Poliomielite) – menores de 5 anos.

– VOPb (Vacina Oral contra a Poliomielite) – menores de 5 anos.

– Rotavírus humano – menores de 7 anos.

– Pneumocócica 10 valente – menores de 5 anos.

– Meningocócica C conjugada – crianças a partir de 3 meses de idade a menores de 5 anos e adolescentes entre 12 e 13 anos.

– Tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola) – crianças a partir de 12 meses de idade e adolescentes de até 15 anos.

– Tetraviral (sarampo, caxumba, varicela e rubéola) ou tríplice viral + varicela (atenuada) – menores de 5 anos.

– DTP (difteria, tétano e coqueluche) – até menores de 7 anos.

– DT (difteria e tétano) – para crianças a partir de 7 anos e adolescentes de até 15 anos.

– DTpa (difteria, tétano e coqueluche acelular) – para gestantes menores de 15 anos.

– HPV (papiloma vírus) – meninas entre 9 e 14 anos e meninos entre 11 e 14 anos.

– Febre amarela – a partir de 9 meses.